Este post faz parte de uma nova série aqui no blog onde você pode enviar o seu estudo de caso pra gente avaliar e publicar aqui. Nesse estudo de caso, Murilo Lima conta sobre a criação do aplicativo Brainstormr, desenhado para ajudar a combater o bloqueio criativo em planejamento de estratégias digitais e de Social Media.

Brainstormr App

A ideia surgiu da inquietação do Daniel Sollero e o seu desejo por jogos de tabuleiros, criação de cenários publicitários, o convívio com redes sociais e comunidades online e boas horas de conversa com Ricardo Cavallini, foi que ele notou que talvez pudesse fazer um aplicativo que justamente faria algumas perguntas que ele fazia para as pessoas que lhe apresentavam ideias para Social Media.

“Pensei em fazer algo na linha do Oblique Strategies, o famoso baralho que o Brian Eno usou na produção de um tal de David Bowie nos anos 70.” Daniel Sollero

No caso do Sollero, teria que ser algo simples e focando em Social Media e Estratégia Digital. E ele deixa bem claro:

“A intenção nunca foi querer ensinar as pessoas a planejar algo mas sim ajudar no processo criativo e começar a mostrar que as vezes deixamos passar boas oportunidades criativas simplesmente porque não lembramos de alguma coisa.”

Como eu entrei nessa brincadeira? O Sollero outro dia disse: “Murilo, tenho uma ideia de um app mobile, você pode me ajudar? Vamos almoçar no McDonald’s e lá eu te conto a ideia”. Eu topei, como podem perceber, e aí passamos algumas horas e ele contando todas as suas ideias e tudo mais para o projeto. Ouvi tudo e comecei a disparar muitas perguntas e outras linhas de raciocínio.

Voltamos para o trabalho e escutei a seguinte frase: “Nunca mais te conto uma ideia.”

Putz! Aquilo foi um choque para mim. E perguntei o que foi que eu fiz? Ele disse: “Abriu ainda mais a minha mente e o projeto ficou mais claro.”

Por isso eu sempre defendo de compartilhar a sua ideia sem medo que outra pessoa a roube.

O ecossistema do projeto

Brainstormr - Ecossistema 2

Sollero idealizou que o projeto fosse pensado de forma a compor um ecossistema onde teríamos um site e um aplicativo mobile. Porém com as nossas conversas evoluímos isso para publicidades, pacotes de atualização e outros serviços. No inicio não pensamos no retorno disso, mas depois quando fomos colocando no papel vimos que seria possivel rentabilizar o projeto e com isso ele se tornar sustentavel ao longo do tempo.

Começamos a reunir todas estas ideias anotadas no guardanapo do McDonald’s e fomos afunilando o nosso foco e voltando à realidade: falta de grana e atingir o nosso objetivo de ajudar a combater o bloqueio criativo da melhor forma através do app mobile.

“Nessa época, eu e o Murilo trabalhávamos um do lado do outro na agência e isso ajudou muito na hora de especificar o projeto. Volta e meia, do nada, ele perguntava alguma coisa do app no meio de um outro papo e era aquela coisa de apenas nós dois entendíamos o que era.” disse Sollero.

Então beleza, a idéia é fazer um app que mostrasse frases para ajudar no Brainstorm.

Brainstormr - Ecossistema

A arquitetura de informação

Após pesquisas de app mobile e sites de referências e riscar muito definimos o fluxo do nosso ecossistema acima e também o fluxo do nosso app no detalhe abaixo:

Brainstormr-Tutorial

Cheguei a desenhar algumas simples telas do app mobile no Balsamiq e quando fui apresentar ao Sollero, no primeiro momento ele curtiu, dois minutos depois me disse que nada do que eu propus dava para fazer, pois as regras do iPhone SDK (é um Kit de desenvolvimento de software para aplicações nativas para o iOS desenvolvido pela Apple Inc.) não permitiam.

Foi aí que entraram em cena as minhas referências de outros apps que faziam o que eu estava propondo. Uma das coisas mais importantes que aprendi foi a guardar referências por projeto, pois quando as pessoas me dizem: “Isso não dá para fazer”, “Nunca vi nada disso” ou coisas do tipo, eu saco as minhas referências. Acabou tornando-se uma entrega minha quando estou pensando em interações: Mandar links / referências para a equipe de criação ou produção.

Brainstormr - Wireframes

O briefing para o site:

“A ideia era ter uma versão para desktop também. Era para ser um site super clean como o a série de sites derivados do What The F* Should I Make For Dinner com algumas coisas a mais como a parte em que as pessoas poderiam enviar suas mensagens para serem incorporadas no app e compartilhar nas redes sociais as frases que mais gostavam.”

Acabou não ficando assim. Mas isso já está no roadmap para mudar.

Produção

Participei pouco deste processo, pois acabei saindo da mesma empresa que trabalhava com o Sollero e aí as nossas conversas se resumiam ao Skype, Facebook, Gtalk e email. Ficamos um tempo sem nos falar por conta da vida em agências. Foi quando soube que ele não engavetou o projeto e havia utilizado o site Elance.com (uma plataforma onde empresas, organizações e indivíduos podem contratar profissionais freelancer e utilizar ferramentas de colaboração online para gerenciar equipes e projetos.) para dar continuidade ao projeto. Após um papo ele me contou que estava tudo muito perfeito para ser verdade.

Aprendizados dele: “O primeiro erro foi meu ao não checar o portifolio dessa empresa. Apostei tudo nos reviews dos outros e notei isso quando recebi o primeiro layout.” e “No começo tudo andou super rápido até que eu acomodei e fiz quase tudo que reclamo dos meus clientes. Demorei para aprovar uma parte das coisas, o app estava pago mas não dava sinal de vida, tinha uma comunicação demorada com eles e a culpa era minha.” e também mais isso: “Eu demorei tanto para lançar o projeto que quando ele ficou pronto, a Apple tinha lançado o iOS6 e o app que estava pronto, foi negado pela Apple e tive que desembolsar mais uma grana para deixa-lo compatível com o novo sistema operacional e aproveitei para fazer outros ajustes também.”

Papeando mais descobri que na etapa de Design ele chamou um profissional para fazer o ícone e outro para fazer as telas. Tudo na amizade, pois a grana já havia terminado. Bom o Fernando Weno fez o ícone e quem fez as telas foi o Pedro Einloft, um designer carioca super-talentoso e que já fez capas de disco do Caetano Veloso e outros projetos.

Brainstormr - Rascunho Weno

Mais um aprendizado do Sollero: “Os dois fizeram trabalhos animais sob a minha aprovação mas, olhando bem, não fazem muito sentido juntos. E a responsa disso é total minha.”

A parte de Conteúdo (as frases que são geradas pelo aplicativo para inspirar os criativos que estão em uma sessão de brainstorm) foi feita pelo Sollero e pela MaWá que na época estava morando com o Weno na Suécia enquanto ele fazia Hyper Island. Ela fez a primeira rodada de filtros no conteúdo, já a segunda rodada do filtro das frases foi feito por um time foda: Rafael Ziggy, Mark Cardoso, Fabio Rex, Keid Sammour e Vinicius Theodoro. Todos super profissionais que admiro muito, de agências diferentes, com backgrounds e funções diferentes nas agências que trabalham mas com uma visão e um foco invejável.

Como eles fizeram essa curadoria? Simples. Uma tabela no excel e as frases, onde eram marcadas as frases que deveriam ser excluídas. Além disso, Sollero contou com um amigo inglês que conheceu no TEDxTransmedia, Paul Burke, para corrigir os erros de ortografia.

Divulgação

Não foi investido nada na divulgação do app. Para ser mais exato, tivemos um post no Brainstorm9 em dezembro de 2012.  Este post nos rendeu até hoje aproximadamente 2000 downloads, os 3 países que mais baixaram foram Brasil, EUA e Portugal nessa ordem. Até por que fizemos nas versões português e inglês o aplicativo e site. No site seguimos com os mesmos países e ordem do download do aplicativo. Tivemos algo em torno de 4% de acesso na área de envie a sua frase.

Os acessos do site vêm basicamente de 3 formas: direto (48%), Facebook (24%) e Brainstorm9 (20%).

A frase mais acessada? “Influência não é só quantidade de followers

Perguntei ao Sollerro se ele estava satisfeito com o resultado:

“Estou mais do que satisfeito com o resultado final e os números, não divulguei nada e mesmo assim, teve gente de várias partes do mundo baixando o app.”

Para o futuro ele pretende evoluir o projeto, onde as pessoas vão poder criar suas frases direto do app, além de compartilhar utilizando imagens já que as redes sociais hoje são basicamente visuais. Nestes novos pacotes também já está sendo contemplado iOS7, as novas dimensões do iPhone5  e também uma versão para Android. A reformulação do site está nos planos, mas o foco principal vai ser nas versões mobile.

Aprendizado

Acredite nas suas ideias, compartilhe ela com amigos, convide amigos para lhe ajudar e dê os devidos créditos a cada um deles.

Uma coisa super bacana que as agências e empresas deveriam apostar mais é que os projetos podem ser tocados a distância, sem problemas. Basta ter uma gestão organizada e exemplar.

Gostei muito de ter trabalhado nesse projeto em especial, por ter sido com pessoas fantásticas e espero que o Sollero me convide para novos projetos.

Espero que vocês tenham gostado do post e baixem o Brainstormr para testar e que ele seja útil para vocês. Para nos enviar uma frase, acesse o nosso site através deste link. Gostaríamos muito de ver as frases de vocês no site e no aplicativo :)